segunda-feira, julho 10, 2006

Listas

de convidados é algo que não gosto de fazer, decididamente.
A de casamento foi uma dor de cabeça, sempre pensei em convidar só os mais chegados e que seriam poucos, mas depois começamos a colocar quem gostavamos de convidar e quando somamos é a tragédia total.
Acabamos por ter de fazer cortes, pessoas que temos que convidar, pessoas que temos que deixar de fora, porque já sai fora do orçamento, pessoas que convidamos porque convidamos outras, etc..
Mais tarde, percebemos que a, b ou c, se calhar não eram tão chegados, e que x, y ou z é que eram e foram esses que ficaram de fora.
Isto porque? Estamos a fazer a lista de convidados para o baptizado da nossa filhota.
Mais uma vez, tinha em mente que ia ser fácil e que seriam só os mais chegados e portanto poucos.
Começo a colocar os nomes numa folha de cálculo e mais uma vez assusto-me, quando coloco um contador para contar só os "Obrigatórios".
Começo a contar os que "gostava de convidar" e assusto-me novamente.
Lado positivo, temos muitas pessoas de quem gostamos, lado menos positivo, como fazer a "selecção" (que palavra tão feia, neste caso...).
Tenho que a fazer em breve, para avisar as pessoas, pois já não falta assim tanto.
Espero conseguir um bom resultado e que os que gostava de convidar e não posso não fiquem chateados.

2 comentários:

Catarina disse...

Coragem!

E eu não fico chateada! lol

Xana disse...

Quem gosta de ti não se chateia com essas pequenas coisas! Mesmo!